Acesso à informação

Serviços  

   

Artigos e Publicações  

   

Artigos

FIDA visitará áreas rurais do Rio Grande do Norte

Detalhes

 A secretária da Agricultura, da Pecuária e da Pesca, Larissa Rosado, confirmou que nesta segunda feira, 19, uma delegação do International Fund for Agricultural Development (Fundo Internacional para o Desenvolvimento da Agricultura - Fida) visitará áreas do Rio Grande do Norte para conhecer experiências de sucesso.


Larissa Rosado informou que a delegação será composta de 20 membros do Fida que visitarão na segunda-feira à tarde a comunidade Sombras e Milagres, em Caraúbas e, no dia seguinte o assentamento Lage do Meio, em Apodi e a comunidade Campo de Aviação, em Campo Grande, no final da tarde, a área onde deverá ser instalada uma fábrica de leite em pó, em AngicosSegundo Larissa Rosado, a comunidade Sombras Grandes e Milagres fica localizada na zona rural de Caraúbas, em pleno semi-árido Nordestino. A falta de água, renda, energia elétrica e morando em casas de taipa fez com que a comunidade despertasse para a criação de uma associação reunindo as 31 famílias.

Segundo Caramuru Paiva, supervisor do Projeto Dom Hélder Câmara (PDHC), em apenas um ano e meio houve uma mudança nessa realidade através de uma ação articulada pelas três esferas do Estado e a Petrobras.


Larissa Rosado disse que a falta de energia elétrica foi resolvida a partir de ações do Luz Para Todos em conjunto com a Cosern, Chesf,
Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e PDHC. Uma outra ação ressaltada por Larissa Rosado é do Governo do Estado através do Programa Desenvolvimento Solidário e da Prefeitura Municipal de Caraúbas na viabilização da implantação de um sistema irrigado de produção e comercialização de hortaliças e frutas orgânicas, mel orgânico, avicultura caipira, criação de coelhos, suporte forrageiro para os rebanhos bovinos e caprinos, além da construção de casas de alvenaria, adutora e cisternas para irrigação e uso doméstico e mais a alfabetização de jovens e adultos.


A missão do Fida vai também ao assentamento Lage do Meio, na zona rural de Apodi, onde 24 famílias produziram e beneficiaram no seu entreposto 10.000 toneladas de mel produzidos dentro de áreas manejadas da caatinga, utilizando-se das formas corretas de manejo das
abelhas e produção higiênica do mel.


De acordo com Caramuru Paiva, esse resultado é fruto de capacitações, acompanhamento técnico e investimentos diretos que foram feitos nos últimos quatro anos pelo Projeto Dom Hélder Câmara, uma parceria do Governo Federal com a ONU através do Fundo Internacional para o Desenvolvimento da Agricultura (FIDA).


Na Comunidade Rural Campo de Aviação, no município de Campo Grande, onde moram 30 famílias, foi possível melhorar o acesso à água para produzirem e criarem através da ampliação da barragem sucessiva.

Esta tecnologia de barragem sucessiva é barata e vem sendo amplamente aplicada na região do Seridó através da Emater.


Larissa Rosado fez questão de ressaltar que todas estas ações do Governo do Estado contam com parceiros como o Pronaf e Organizações Não-Governamentais como o Centro Terra Viva, a Visão Mundial e a Cooafap.

 

Fonte: Gazeta do Oeste

   

Galeria de Imagens  

   
   
© Projeto Dom Helder Camara