Acesso à informação

Serviços  

   

Artigos e Publicações  

   

Artigos

Cabo Verde exibe reportagem do Projeto Dom Helder sobre Bioágua Familiar

Detalhes

 

FigurO Sistema Bioágua Familiar de reuso de água cinza na produção irrigada de alimentos em residências rurais foi apresentado na 1ª Feira Internacional de Agricultura de Cabo Verde. O convite foi de iniciativa do Ministério de Desenvolvimento Rural (MDR) e do Programa de Promoção e Oportunidades Socioeconômicas Rurais do Ministério da Juventude, Emprego e Desenvolvimento dos Recursos Humanos de Cabo Verde em colaboração com Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA).

 

Nesta oportunidade, O Jornal da Noite, programa de TV Internacional da República de Cabo Verde, na África Ocidental, exibiu no dia 27 de julho, uma reportagem sobre a experiência do Bioágua Familiar. “Uma das formas de universalizar o acesso à água na produção é o reuso. A água cinza (água produzida na residência com exceção do vaso sanitário) pode ser reutilizada nos quintais das residências para a produção de alimentos a partir do tratamento biológico, fortalecendo a segurança alimentar e resolvendo um problema de poluição ambiental. É uma tecnologia social que pode ser usada principalmente nas regiões que tem escassez de água” como estratégia de convivência, explica Fábio Santigo, coordenador técnico do Projeto Dom Helder Camara/SDT/MDA.

 

O Bioágua vem se desenvolvendo desde 2009 no Sertão do Apodi/RN. O projeto é resultado de uma parceria entre o Projeto Dom Helder Camara/SDT/MDA – FIDA/GEF a Universidade Federal Rural do Semiárido (UFERSA) e a Organização não Governamental Assessoria, Consultoria e Capacitação Técnica Orientada Sustentável (ATOS).

 

As dez ilhas vulcânicas que formam o arquipélago de Cabo Verde possuem a agricultura como base de sua economia. O país tem clima similar com a região Semiárida no Nordeste do Brasil, caracterizado com elevada variabilidade de precipitação no tempo e no espaço. Nesse contexto, o Bioágua Familiar atraiu o interesse das autoridades Cabo-verdianas, agricultores familiares e representantes da sociedade civil como tecnologia social que pode representar um novo ciclo de produção de alimentos a partir de reuso de água cinza.


Assista a matéria na íntegra clicando aqui.

 

   

Galeria de Imagens  

   
   
© Projeto Dom Helder Camara